Blog da Dedeka

Voltar
18/04/2021

#Dica de leitura: Abril é o mês do livro

#Dica de leitura: Abril é o mês do livro

Abril é um mês muito significativo para o livro e a leitura. Três datas neste mês são bastante comemoradas: 02 – Dia Internacional do Livro Infantil, em homenagem ao escritor Hans Christian Andersen; 18 – Dia Nacional do Livro Infantil, em homenagem a Monteiro Lobato; e 23 – Dia Mundial do Livro e do Direito do Autor, em homenagem a Willian Shakespeare e Miguel de Cervantes.


As dicas deste mês trazem livros do autor dinamarquês de contos de fadas e renomado poeta Hans Christian Andersen. Em homenagem à relevância da sua obra, a organização International Board on Books for Young People – IBBY estabeleceu, desde 1956, o Prêmio Hans Christian Andersen - considerado o Nobel da Literatura para Crianças. Autores brasileiros já foram agraciados com esta importante distinção; Lygia Bojunga (1982), Ana Maria Machado (2000) e Roger Mello (2014) - que já assinou uma coleção exclusiva para a Dedeka em uma projeto conjunto com o Instituto de Leitura Quindim.

Hans Christian Andersen

Andersen nasceu em Odense, no dia 2 de abril de 1805, numa família extremante humilde. Seu pai era sapateiro e sua mãe lavadeira. Todos residiam em um pequeno quarto. Mas nem por isso seu pai deixou de estimular as fantasias e o dom criativo do filho, contando histórias e ensinando o menino a ler.

Hans Christian Andersen se tornou um autor célebre por seus contos de fadas.  Histórias como O Patinho Feio, A Caixinha de Surpresas, Os Sapatinhos Vermelhos, O Soldadinho de Chumbo, A Pequena Sereia, A Roupa Nova do Rei e A Princesa e a Ervilha são bastante conhecidas por muitas gerações de leitores.


 

 

O patinho feio e outras histórias
Tradução: Heloisa Jahn
Ilustrações: Olaf Gulbransson
Editora: 34

O que a desventura de um cisne branco que nasce no meio de uma ninhada de patos pode nos contar? Muitas vezes nos sentimos deslocados, meio estranhos e até feios. Mas com a história do patinho feio vamos descobrir a olhar o nosso reflexo, a olhar para nós mesmos e buscar internamente o nosso lugar e a nossa beleza. Os outros podem emitir pareceres, nos julgar e até dizer coisas que não vamos gostar. Mas isso não significa que são verdades.
É muito interessante como o escritor nos apresenta a constante transformação na busca de uma imagem. Esse é um processo que faz parte do crescimento do ser humano desde criança. A busca incessante do seu lugar e sua imagem no mundo. Além da história do patinho feio o livro traz Polegarzinha, História de uma mãe, A roupa nova do imperador e A menina dos fósforos.

 

Os pequenos verdes e outras histórias

Tradução: Kristin Lie Garrubo
Ilustrações: Lisbeth Zwerger
Editora: Companhia das Letrinhas

Os Pequenos Verdes e Outras Histórias reúne 11 contos do escritor dinamarquês que recebem as ilustrações da premiada Lisbeth Zwerger (Alemanha), ganhadora do Prêmio Internacional Hans Christian Andersen. Uma obra em que os enredos misturam magia, humor e surpresa. As personagens brincam com o imaginário do leitor, que vai encontrar as aventuras do Rouxinol do Imperador, A Pequena Polegarzinha, João Pestana e muitos outras.

 

 

Contos de fadas: edição comentada e ilustrada
Tradução: Maria Luiza X. de A. Borges
Ilustrações: Arthur Rackham, Gustave Doré e outros.
Editora: Zahar

Essa é uma obra que traz Andersen, os Irmãos Grimm e Charles Perrault, considerados os três maiores autores de contos de fadas. Mas também apresenta histórias de outros autores: Joseph Jacobs e Jeanne-Marie Leprince de Beaumonte. O livro tem apresentação da autora brasileira Ana Maria Machado. As crianças têm acesso as mais famosas histórias infantis como Branca de Neve, Cinderela, João e Maria, Rapunzel, O Gato de Botas, O Patinho Feio, A Pequena Sereia e muitas outras, em suas versões originais, sem adaptações, numa charmosa edição de bolso, encadernada. Um livro que, ao abrir, vai libertar muitas fadas, bruxas, princesas, encantamentos e finais felizes presos nas páginas. A obra inclui cerca de 90 pinturas e desenhos, muitos deles raros, de ilustradores célebres como Arthur Rackham, Gustave Doré e a biografia dos autores. Um livro para passar de geração em geração.

 

Volnei Canônica

Presidente do Instituto de Leitura Quindim e especialista em Literatura Infantil e Juvenil

Saiba mais:
@institutodeleituraquindim
www.institutoquindim.com.br

Compartilhe nas Redes: